META
16
Secretaria Municipal de Educação
Alcançar 95% dos alunos alfabetizados ao final do segundo ano do Ensino Fundamental (EF)

Prog. de Governo

Número ODS

Execução da Meta



Valor Base 2017 2018 2019 2020 - Projeção para
1° Sem 2° Sem 1° Sem 2° Sem 1° Sem 2° Sem 1° Sem 2° Sem - 2017-2018 2019-2020
Valores acumulados - 85 95
Valores por período - 85 95

Status: Primeiro resultado previsto para 1º Semestre de 2018
Último dado disponível: -
Última atualização: janeiro/2018

  • Ficha TécnicaVer detalhes

    Ponto de partida

    Período base
    2017

    Projeção da meta

    2017-2018
    85%

    2019-2020
    95%

    Informações do indicador

    Descrição do indicador
    % de alunos da rede municipal alfabetizados ao final do segundo ano do EF.

    Fórmula de cálculo
    Número de alunos alfabetizados ao final do segundo ano do EF (municipal) / Total de alunos matriculados no segundo ano do EF (municipal)

    Notas técnicas

    O indicador atualmente disponível refere-se apenas à taxa de alfabetização ao final do 3º ano do ensino fundamental. Dados referentes à alfabetização no 2º passarão a ser acompanhados a partir de 2017.

    Unidade de medida
    %

    Frequência
    Anual

    Fonte
    Secretaria Municipal de Educação – Centro de Informações Educacionais e Coordenadoria Pedagógica

Informações Adicionais

janeiro/2018
Os dados referentes ao nível de alfabetização dos alunos ao final do segundo ano do Ensino Fundamental serão obtidos a partir dos resultados da Provinha São Paulo. A última aplicação desta Prova ocorreu em 2017, mas seus resultados serão divulgados até o final do primeiro semestre de 2018.
O Currículo da Cidade, lançado em dezembro de 2017, prevê que todos os alunos estejam alfabetizados ao final do segundo ano do Ensino Fundamental. Para alcançar esse objetivo, o projeto Alfabetização está em andamento, com a formação dos professores do Ciclo de Alfabetização e recuperação paralela, contratação de estagiários para todas as turmas do primeiro ano do Ensino Fundamental e o monitoramento do processo de alfabetização, por meio da Provinha São Paulo. De forma complementar a esses esforços, no âmbito do projeto Apoio Pedagógico foram implementadas ações de formação aos professores de recuperação paralela e às equipes pedagógicas das Diretorias Regionais de Educação. Ao mesmo tempo, foram ofertadas formações para a melhoria do atendimento aos alunos com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotação, bem como para aqueles em contextos de vulnerabilidade, violações de direitos e/ou questões relacionadas a saúde mental.